I carry your heart with me.

I carry your heart with me (I carry it in
my heart). I am never without it (anywhere
I go you go, my dear; and whatever is done
by only me is your doing, my darling)
I fear
no fate (for you are my fate, my sweet) I want
no world (for beautiful you are my world, my true)
and it's you are whatever a moon has always meant
and whatever a sun will always sing is you

Here is the deepest secret nobody knows
(here is the root of the root and the bud of the bud
and the sky of the sky of a tree called life; which grows
higher than the soul can hope or mind can hide)
and this is the wonder that's keeping the stars apart.

I carry your heart (I carry it in my heart).
E. E. Cummings

19 comentários:

Carla disse...

Lindo. *.*

LadyBüg disse...

que bonito :)

Sara Martins disse...

adoro Sara!

annie disse...

é de uma música dos toranja, laços :)

juca ♥ disse...

de nada sara (:

lá love disse...

que lindo :)

maria inês disse...

obrigadaa :$
gostei imenso :o

Mafalda Marques disse...

Adoro (:

RuteRita disse...

adoroooo *.*

Daniela disse...

ainda bem que sabes que não é excepção :)

Daniela Ramos disse...

Já tive para postar este poema. A primeira vez que o ouvi foi no E.R no axn. Perfeitinho :)
Beijo *

Betina. disse...

Lindo demais!

Betina. disse...

Lindo demais!

Duarte Albuquerque disse...

Boa Noite, foi um prazer dar caras com tal blog consistente. Adorei ler e integrar-me nos teus momentos de fraqueza, de agilidade, de humor e de dedicação. Continua, tens aqui um óptimo espaço. Vou seguir, Beijo* Duarte Albuqerque

Kyo-Ne disse...

^_^

Bruna F. T. disse...

Flor, tem selo para você no meu blog. Dá uma olhadinha.

Izzie Williams disse...

E. E. Cummings, lindos poemas :')

Cheerio disse...

Eu adoro esse poema.Tenho-o escrito numa folha de papel e guardado no meu quarto =)

Ché disse...

sabias que 'e.e. cummings' detestava ver o ser nome em letra maiúscula? Apenas porque ele não se achava superior a ninguém!