Não é por ser giro - que é. É pela inteligência óbvia. A elegância de tratamento. A educação. A voz... ai a voz. Talvez não me engane se disser que ele é um grande Homem. E um homem grande também.

(Autor desconhecido)